ROTAER D-AMDT 22/24 D-AMDT 26/24 Ver mudanças

Silvio Name Junior ( SBMG ) / MARINGÁ, PR 23 28 35S/052 01 04W
AD PUB UTC-3 VFR IFR L21 , L26 549 (1801)

10 - L4 , L9 [5] , L12 - ( 2380x45 ASPH 45/F/A/X/T L14 , L15 ) - L9 [8] , L12 - 28

SBCW (CINDACTA 2)
COM -
TORRE [2] [6] 118.750
RÁDIO [7] 118.750
RDONAV -
ILS/DME 10 IMR 110.5 23 28.41S/052 01.57W
CMB- [1] PF TF [1] RFFS - CAT CIVIL - 7
MET - MET CIVIL –

[3] [2]

AIS - AIS CIVIL – [4]

RMK -

DADOS GEOGRÁFICOS E ADMINISTRATIVOS DE AERÓDROMO
  1. Habilitado para o TFC aéreo INTL de cargas. Com necessidade de comunicação prévia ao operador do aeródromo com, no mínimo, 72 horas de antecedência da operação pretendida.
  2. As operações de TFC INTL de cargas estão sujeitas a regulamentações nacionais e a procedimentos específicos do operador do AD. Maiores esclarecimentos e informações deverão ser solicitados pelo telefone (44) 3366-3833 ou e-mail coa@aeroportomaringa.com.br.
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
  1. AD HR SER 0730 - 0400. Demais HR O/R com antecedência de 2 HR pelo TEL (44) 3366-3833.
DADOS SOBRE OS PÁTIOS, PISTAS DE TAXI E PONTOS DE VERIFICAÇÃO
  1. APN NR 2 LTD para ACFT com envergadura MAX de 20M
  2. Hangares ACPT envergadura MAX de 20M
  3. TWY ALFA entre TWY DELTA e APN 1 LDT OPS ACFT com envergadura MAX de 36M
  4. TWY BRAVO entre TWY DELTA e Pátio 1 LDT OPS ACFT com envergadura MAX de 36M
  5. PSN NR 01 a 10 LTD a OPS ACFT com envergadura MAX de 36M
REGULAMENTOS PARA TRÁFEGO LOCAL
  1. OPS de ACFT com peso acima de 12 TON, ficam condicionadas a operação “push-back” na saída do pátio de PRKG, caberá ao OPR garantir a AVBL de meios próprios para garantir tal operação
PROCEDIMENTOS DE VOO
  1. Tipo de operação por RWY/THR:
    THR 10: VFR Diurno/Noturno e IFR Precisão CAT I Diurno/Noturno.
    THR 28: VFR Diurno/Noturno e IFR Não Precisão Diurno/Noturno.
INFORMAÇÃO ADICIONAL
  1. RESA RWY 28 e RWY 10: 90M x 90M
  2. O AD pode ser utilizado regularmente por quaisquer ACFT compatíveis com o RCD 4D ou inferior.
  3. OBS concentração de pássaros nos SECT de APCH
  4. Capacidade de remoção de aeronaves inoperantes do aeródromo: 737 – 800 até 80 toneladas
  5. Capacidade de remoção por meios próprios 15 toneladas com Dolly’s Recovery’s e 80 toneladas através de contrato de guindastes com terceiros.
  6. Coordenação de emergências e ativação do Plano de Remoção de ACFT e Desinterdição de RWY (H24): (44) 3366–3833 ou (44) 99991-2956 .
CARTAS RELACIONADAS AO AERÓDROMO
  1. Cartas ver AIP-MAP
DISTÂNCIA(S) DECLARADA(S)
  1.  
RWY TORA(m) TODA(m) ASDA(m) LDA(m) ALT. GEOIDAL(m) COORDENADAS
10 2380 2380 2380 2380 -2,03 S 23 28 43
W 052 01 45
28 2380 2380 2380 2380 -2,03 S 23 28 27
W 052 00 23
COMPL -
  • [1] 0900-0000. Após solicitar pelo TEL: (44) 3266-6666; 9972-5028
  • [2] OPR Terminais Aéreos de Maringá - SBMG S/A.
  • [3] CMA AUTOATENDIMENTO
  • [4] Recebimento de PLN e MSG de atualização prestado pelo Centro de Informação Aeronáutica - CENTRO DE GERENCIAMENTO DA NAVEGAÇÃO AÉREA (C-AIS CGNA) via internet ou pelo TEL (21) 2174-7510. Informações adicionais e cadastro de usuários no Sistema Integrado de Gestão de Movimentos Aéreos (SIGMA) ligar para (21) 2101-6680.
  • [5] MEHT: 50 FT
  • [6] DLY 0930-2130
  • [7] HR SER 2130-0930
  • [8] MEHT: 63 FT
TEMP (0)

Suplementos AIP (0)

NOTAM (Carregando ...)


Nascer/Por do Sol

10:09

20:51


METAR

METAR SBMG 240400Z AUTO 02009KT CAVOK 24/15 Q1014=

TAF

TAF SBMG 232125Z 2400/2412 03010KT CAVOK TX24/2400Z TN21/2410Z RMK PGG=


OPEA/Obstáculos


Cartas (11)

ADC


IAC


SID



Rotas Preferenciais (0)